domingo, 22 de abril de 2012

"Poetar Contemporâneo - vol. II"


No próximo dia 29 de Abril, pelas 16 horas, no Hotel Real Palácio em Lisboa, será apresentada a obra "Poetar Contemporâneo - vol. II", na qual tive o privilégio e a honra de participar, depois do sucesso que foi o "Poetar Contemporâneo - vol I". 
Deixo-vos com um dos meus textos que integram a referida obra: "Nas tuas Mãos"... (texto dedicado às "Mãos" de alguém muito especial, mas que agora são palavras de todos vós...)

 
Nas tuas Mãos
corre um rio arqueado em delta maior
onde crepitam mil margens angulares
na lareira intensa dos nossos olhares

Nas tuas Mãos
cresce um tempo soletrado no silêncio
de luares profanados por esta paixão
na terra ancorada dessa tua razão

Nas tuas Mãos
soltam-se asas de anjos flutuantes
envolvidos nas voltas da madrugada
e a lua amanhece cheia de luz salgada

Nas tuas Mãos 
desaguam sonhos como nascentes
fontes sedentas no ventre dos cristais
respirações etéreas como vendavais

Nas tuas Mãos
reconheço a profecia confessada
na voz do mar ao chegar 
à foz do verbo aMar...

2 comentários:

. intemporal . disse...

.

.

. parabéns pela edição . que anseio repleta de sucesso . e de reconhecido mérito .

.

. deixo um beijo de abril .

.

. e saio . rendido .

.

.

Baby disse...

Desejo o maior sucesso, de que não duvido, se todos os poemas tiverem a força desde que nos deixas.

Beijos.