domingo, 15 de junho de 2008

Deus da Crueldade





Ao Deus da Crueldade...

"Espias-me,
tua ambição, minha piada,
rio-me de ti, à gargalhada

és o teu próprio espectáculo
a caixa de sofrimento
em pose de receptáculo,
que iça a minha bandeira
não o Fellini do meu tormento,
mas a Duncan da minha brincadeira

bebo a ti, vítima
numa folha íntima
fêmeas na falácia
ato
desato e
resgato
mulheres da Trácia

doo-te e tu devoras-me"


Autor Desconhecido [2006]


**********************************************************

A história da mitologia helénica-romana encerra uma concepção genial do Universo, a procura entre a razão e a fé, a harmonia perfeita dos opostos.
O pequeno mundo gira fora da vidraça do meu refúgio, onde me questiono sobre a existência de Deuses por encontrar, novos Deuses a nascer na teogonia do Universo em expansão.
Será que existem divindades siderais ainda por encontrar?
Conheci um Deus para além da cintura de Plutão, que personifica o rosto da crueldade...

SOL : Helios

MERCÚRIO: Hermes
VÉNUS: Afrodite
TERRA: Gaia
MARTE: Ares
JÚPITER: Zeus
SATURNO: Cronus
URANO: Universo
NEPTUNO: Poseidon
PLUTÃO: Hades

Qual será o rosto do Deus da Crueldade?

1 comentário:

Anónimo disse...

Se esse deus existe, não te merece.
Bj
Nuno